Força Nh’irmon

 Hoje meu amigo Luis Castro faz aniversário. Lá do outro lado do Atlântico ele vai festejar e cantar parabéns de uma forma diferente daqui do Brasil, em uma língua parecida com a nossa, na noite que já começa a cair sobre Lisboa. Penso: estará cercado dos amigos? Será somente a família? Ou irá se esconder como fazem algumas de minhas amigas esquisitas por aqui?

Nós trabalhamos juntos na mesma empresa, o senhor engenheiro Castro, Rosalina, Mariola e outros, mas sinto mesmo saudades desses três. A paciência que ele tinha com minhas perguntas e a quantidade delas! Entre outras coisas, Luis me ensinou a fazer planilhas com fórmulas imensas, tão grandes que não sei se ainda me lembro.

Certa vez, me deu um cd do Djurumani, compositor e cantor cabo-verdiano, radicado em Portugal há quase trinta anos que canta: “Ô ‘rmon ca bô desanima / bô sabê qu’esse mundo ê ‘sim: / dia purriba dia purbóxe / bá ta remá tê que bô tchega”

Hoje o dia é dele.

Anúncios

Comente aqui

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s